Usuarios On-line







domingo, 7 de janeiro de 2024

Pedro Lobo acompanha visita do Ministro do Turismo ao Crato e a Juazeiro, com esperança de mais investimentos para o Cariri




"O Cariri deve explorar melhor o seu potencial turístico, com o olhar direcionado para o desenvolvimento econômico e social", afirmou Pedro. 

Na tarde deste sábado, 06 de  janeiro, Dia de Reis, o ministro do Turismo, Celso Sabino, visitou os municípios de Crato e Juazeiro do Norte, no Cariri cearense. 

O ex-deputado estadual e vereador Pedro Lobo (PT) acompanhou a visita do ministro, que junto do deputado federal Luiz Gastão, do prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa, entre outros políticos e culturalistas, conheceu o museu orgânico do SESC Telma Saraiva, em Crato e a Colina do Horto, onde está localizado o monumento do Padre Cícero Romão Batista, em Juazeiro Norte. 

No período da manhã, o ministro Celso Sabino e sua comitiva visitaram os municípios de Nova Olinda, Santana do Cariri e Assaré. 

Pedro Lobo afirmou que a visita do ministro do Turismo à varias cidades da região do Cariri fortalece o trabalho, a esperança e a expectativa de que importantes projetos e grandes investimentos possam ser viabilizados para o Cariri, a partir de 2024. 

"As rotas turísticas têm se constituído com um dos setores que mais produzem desenvolvimento no Brasil, com destaque na geração de emprego, renda e têm transformado o perfil econômico das cidades e regiões do país, disse Pedro. 

Ele ressaltou que através do seu mandato, há muito tempo defende e dialoga com vários parceiros dos setores público e privado, sobre a importância e a necessidade da potencialização do turismo no Crato e, em todo o Cariri, com a qualificação de mão-de-obra, a implantação da Rota da Fé, do turismo científico, cultural, de negócios, de base comunitária e gastronômico, com a visão voltada para o impulsionamento da economia regional, gerando novas oportunidades e oferecendo uma vida com mais qualidade aos cidadãos e cidadãs. 

"Precisamos avançar para conquistar e se desenvolver", concluiu Pedro Lobo.

Foto: Rick Montesir