Usuarios On-line







terça-feira, 14 de novembro de 2023

Leão foge de circo e passeia pelas ruas de cidade na Itália


O prefeito de Ladispoli alertou a população e pediu o fim da exploração de animais nos espetáculos itinerantes

Os moradores da cidade Ladispoli, na Itália, ficaram em pânico após um leão fugir de um circo e caminhar pelas ruas do município. O prefeito da cidade, Alessandro Grando, publicou uma mensagem pedindo que os moradores não saíssem de casa enquanto o animal não fosse capturado. As buscas duraram seis horas, quando resgataram o felino com segurança.


“Pedimos que sejam muito cautelosos e evitem qualquer deslocamento até segundo aviso”, comunicou. O prefeito de Ladispoli aproveitou a situação para conscientizar a população e as autoridades para “finalmente pôr fim à exploração animal nos circos”. Um projeto que pede a o fim dessa exploração foi lançado no começo do, mas teve implementação adiada para 2024.

Nos vídeos, é possível ver o animal, de nome Kimba, andando em meio aos carros. O animal foi sedado e capturado pela equipe do circo com apoio das autoridades locais.

Animais em circo no Brasil

O uso de animais no circo começou a ser discutido no Brasil nos anos 2000, quando uma criança de apenas seis anos foi morta por leões durante o intervalo de uma apresentação no circo em Pernambuco. Pernambuco tornou-se o primeiro estado do país a proibir shows do gênero, servindo como exemplo.

Atualmente, ter animais em circo é crime nos seguintes locais: Goiás; Paraíba; Rio Grande do Sul; Pernambuco; Rio de Janeiro; Santa Catarina; Alagoas; Minas Gerais; Mato Grosso do Sul; Espírito Santo; Paraná; e São Paulo.