Usuarios On-line





terça-feira, 18 de abril de 2023

Prefeito e 5 secretários são presos durante operação da Procap no Ceará

 

O ex-deputado estadual e prefeito de Pacatuba, Carlomano Marques (MDB), foi preso por suspeita de crimes contra a administração pública. Ele foi alvo da Operação Polímata, desencadeada nesta terça-feira (18) pela Procuradoria de Justiça de Crimes contra a Administração Pública (Procap), com apoio da Polícia Civil.

Na ação, foram cumpridos mandados de prisão contra 23 pessoas, incluindo cinco secretários municipais. Também foram cumpridos 37 mandados de busca e apreensão nos municípios de Pacatuba, Caucaia, Fortaleza, Horizonte e Iguatu. Cerca de R$ 400 mil e três carros de luxo foram apreendidos durante o cumprimento dos mandados.

Além do prefeito e secretários, integrantes do gabinete e da Procuradoria Geral do Município, ex-gestores municipais e representantes de empresas fornecedoras que mantinham vínculo com a prefeitura por meio de dispensa de licitação foram alvos dos mandados de prisão.

Conforme investigação da Procap, diversas unidades gestoras/secretarias faziam uso sistemático de dispensas de licitação, mediante a contratação de fornecedores, incluindo pessoas físicas, com indicativo de ausência de capacidade operacional, visando a execução de uma multiplicidade de atividades, com despesas estimadas em R$ 19 milhões.

A Justiça determinou ainda o imediato encerramento dos contratos da Prefeitura de Pacatuba com as pessoas físicas e jurídicas investigadas. Os gestores públicos foram afastados de suas funções por 180 dias.