Usuarios On-line







quarta-feira, 11 de janeiro de 2023

Cearenses estão entre os presos por atos golpistas em Brasília



Pelo menos dois cearenses estão entre as mais de 400 pessoas presas no último domingo (8), dia que bolsonaristas radicais invadiram e depredaram o Congresso Nacional, o Supremo Tribunal Federal (STF) e o Palácio do Planalto, sede da Presidência da República, em Brasília.

Nesta terça-feira (10) o governo do Distrito Federal divulgou uma lista com 412 nomes de pessoas detidas nos ataques terroristas. Entre os presos foram identificados dois cearenses: Carlos Rubens da Costa, 70 anos, natural de Fortaleza; e Kelson de Souza Lima, 28 anos, da cidade de Massapê.

Os homens presos após os ataques foram levados para o Centro de Detenção Provisória 2, na Papuda. Já as mulheres detidas, foram para a Colmeia, Penitenciária Feminina do Distrito Federal.

Durante os ataques, os terroristas quebraram vidraças, móveis, invadiram gabinetes de autoridades, rasgaram documentos, roubaram armas, além de vandalizarem obras de arte e objetos históricos.

O prejuízo ao patrimônio público está calculado em ao menos R$ 3 milhões apenas na Câmara dos Deputados, que compõe o Congresso Nacional com o Senado Federal.

 

Fonte: G1