Usuarios On-line







sábado, 31 de dezembro de 2022

Segundo suspeito de latrocínio que matou cabo do Exército é preso no Ceará


O segundo suspeito de participar de um latrocínio que vitimou um cabo do Exército Brasileiro foi preso nesta sexta-feira (30), por agentes de polícia, em Quixadá. O homem abordado se chama Leonardo Ferreira da Silva, de 24 anos. Ele foi capturado por força de mandado de prisão preventiva. O primeiro suspeito havia sido preso na quinta-feira (29). Com a captura dos dois homens, a Polícia Civil considera que todos os envolvidos no caso já foram localizados e presos.


Foto: (Divulgação/PCCE)

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), comentou sobre a apreensão de armas de fogo do suspeito “Dando continuidade às buscas, os policiais encontraram dois revólveres calibre 38, um revólver calibre 12 artesanal e uma pistola calibre 380, que foi roubada do cabo do Exército, além de 16 munições.”

De acordo com uma investigação da Delegacia Regional de Quixadá, o adolescente estava pilotando uma das motocicletas utilizadas no local do caso. O latrocínio ocorreu em Choró, o cabo chegou a reagir e baleou um jovem de 18 anos de idade que morreu no lugar. O agente também não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Segundo a Polícia Civil, a população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As denúncias podem ser feitas para o telefone (88) 3102-1116, da Delegacia Regional de Quixadá.