Usuarios On-line





sábado, 17 de setembro de 2022

Uso de convênios do Estado é tema citado em debate eleitoral no Ceará


Na tarde desta sexta-feira (16), ocorreu o debate eleitoral cujo os participantes eram os candidatos ao governo: Capitão Wagner (União Brasil), Roberto Cláudio (PDT) e Elmano de Freitas (PT).  

O assunto mais polêmico do momento era a denúncia realizada pela equipe de Roberto Cláudio (PDT) de suspeita de convênios do Governo do Estado em troca de apoio aos prefeitos à campanha do candidato petista, Elmano de Freitas. 

O assunto veio à tona, quando Capitão Wagner provocou Roberto Cláudio a falar sobre o assunto.


Foto: Reprodução

“É uma prática que, se agem na campanha, agem no governo. “Por enquanto, há muita sombra, e pouca explicação”, disse RC. 

Já Capitão Wagner pontua que “jamais vai permitir coação e perseguição” para prefeitos de outros municípios que não o apoiarem. 

Elmano de Freitas rebateu as acusações de RC:  “a vontade de poder lhe fez atacar a governadora Izolda Cela, uma mulher correta e isenta.  Nunca imaginei ver Roberto Cláudio numa combinação de perguntas e respostas com o Capitão Wagner. Não adianta essa ingratidão e rancor porque não tem apoio. Cid e Ivo não o apoiaram porque você desagregou, porque sua sede de poder lhe cegou”, completou.

Roberto Cláudio continuou: “Sou grato a quem me apoia, mas não tenho cabresto. Você que sempre se refere aos seus padrinhos. Quem está desesperado pelo poder é você, que está sendo denunciado por ilegalidade”, finalizou.