Usuarios On-line






sexta-feira, 14 de junho de 2024

Maio de 2024 teve 10 assassinatos por dia no Ceará



De acordo com levantamento da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o Ceará registrou uma média de 10 assassinatos por dia durante o mês de maio de 2024.

A pesquisa do órgão ainda revela que é o segundo mês consecutivo que o Estado registra essa marca. Durante maio, 316 homicídios foram catalogados, equivalente a 10,19 mortes diariamente. Esses dados representam um crescimento de 38% em relação aos 229 Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) do mesmo mês do ano passado.

Os CVLIs são a sommatória de homicídios dolosos, feminicídios, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte. Durante abril, 320 CVLIs foram registrados em todo o Estado, sendo o maior número desde 2020.

É importante lembrar que esses índices ainda se referem à gestão de Samuel Elânio no comando da SSPDS, visto que o novo titular, Roberto Sá, tomou posse apenas 3 de junho.

Focando apenas em Fortaleza, 73 CVLIs foram registrados durante em maio, representando um aumento de 17,74%  quando comparado com o mesmo mês de 2023. A região mais violenta da cidade neste período foi Área Integrada de Segurança (AIS) 2, onde ficam localizados os bairros Conjunto Ceará I e II, Genibaú, Granja Portugal, Bom Jardim, Granja Lisboa e Siqueira, que registraram 15 assassinatos.

Estes são os maiores índices na região desde janeiro de 2021, período que também teve 15 homicídios catalogados. Já o AIS 5, onde fica localizado os bairros da Parangaba, Montese, Bairro de Fátima e Benfica, teve apenas um assassinato em maio de 2024, sendo o menor número desde o mês de julho em 2010.

Enquanto isso, os municípios que fazem parte da Região Metropolitana de Fortaleza registaram 89 CVLIs em maio deste ano, o que representa um aumento de 30,88% quando comparado com o mesmo mês de 2023. Caucaia e Maracanaú, os dois municípios mais populosos da RMF, tiveram 29 e 16 homicídios durante este período.