Usuarios On-line






sábado, 10 de dezembro de 2022

Margareth Menezes aceita convite para comandar Ministério da Cultura



A cantora baiana Margareth Menezes recebeu convite para assumir o Ministério da Cultura no terceiro mandato do governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT). A informação foi confirmada pelo senador Humberto Costa (PT-PE).

Menezes era atração confirmada no show da posse do petista, que acontecerá em 1º de janeiro de 2023. Além da cantora, outros artistas foram convidados para comandar a pasta. Entre eles, o ator Lázaro Ramos, a atriz Marieta Severo e o rapper Emicida. Todos os três negaram o convite.

A artista será a segunda pessoa da Bahia a assumir uma pasta do governo de Lula na próxima gestão. Na última sexta-feira (10/12), o atual governador do estado, Rui Costa, foi anunciado como futuro ministro da Casa Civil.

Menezes também faz parte da equipe de transição da Cultura. O convite para integrar o grupo veio após suas críticas sobre a ausência de negros na gestão.

O Ministério da Cultura foi criado em 15 de março de 1985 pelo decreto nº 91.144 do presidente José Sarney. Em 2016, após a posse de Michel Temer como presidente interino, o MinC foi brevemente extinto e reincorporado ao Ministério da Educação. MinC foi rebaixado e virou a Secretaria Especial da Cultura em 2019 pelo governo de Jair Bolsonaro.

Ainda durante a campanha, Lula havia sinalizado a recriação do ministério e em colocar um artista para assumir o comando da pasta, como foi feito em seu primeiro governo, com a nomeação de Gilberto Gil.

 

Fonte: Metrópoles