Usuarios On-line






terça-feira, 6 de dezembro de 2022

Humorista Fábio Rabin chora após ser detido no Qatar


O humorista brasileiro Fábio Rabin foi preso no Qatar antes da partida entre Brasil e Coreia do Sul, nesta segunda-feira (5) pelas oitavas de final da Copa do Mundo. O ator, que estava a caminho do Estádio 974 para assistir ao jogo, relatou em um vídeo ter sido detido e levado a uma sala, onde teria sido ameaçado por policiais armados. Rabin contou chorando que temeu perder a própria vida com a repreensão no país do Oriente Médio. Segundo ele, as autoridades não identificaram os motivos da detenção.


Foto: Divulgação


“Estou feliz que não estou morto. Eu fiquei trancado em uma sala, com esses caras, cheguei a ligar uma live lá e acho que foi ela que me salvou. Tem um outro cara que ainda está lá. Eu quase morri porque tentei ajudar o cara. Eu falei: ‘Esse cara está comigo também’. Não disseram o motivo para nos prender lá. Eles falaram: ‘está sóbrio’, e mais nada. Me colocaram em uma sala e mandaram eu sorrir. Fiquei com muito medo de perder a minha vida”, revelou o humorista.


O humorista confirmou ao UOL que havia bebido, mas que outras pessoas ao seu redor também estariam embriagadas. Nenhuma foi detida, além dele. Amigos contaram também à reportagem que Fábio estava embriagado a ponto de mal conseguir andar após a vitória do Brasil por 4 a 1. No Qatar, a embriaguez pública é crime e pode resultar em prisão de até seis meses.


No final da noite, Camila Pinheiro, namorada de Fábio, usou suas redes sociais para se pronunciar sobre o assunto. “Pessoal, Fabio mandou mensagem! Ele está bem, já encontrou com os amigos! Graças a Deus está bem! Quando ele estiver mais tranquilo, vai conversar com todo mundo para explicar com calma o que aconteceu”, postou ela.

Fonte: Folhapress